w34a7999-2-1Avi Hay

Quem sou é a pergunta mais importante no processo de despertar da consciência humana. Um guia é alguém que estudou a si mesmo as questões de identidade, realidade e significado da vida. Aqui eu compartilho minhas ferramentas e conclusões sobre o meu caminho, combinando a ciência e a espiritualidade sem rótulos religiosos e de uma maneira simples e moderna para o século XXI.

 


Minha biografia

Minha biografia não é o que eu sou, mas sim a história “oficial” das minhas experiências. Se preferir, é a programação para a qual eu vim para esta vida e eu a compartilho porque, para algumas pessoas, isso pode ressoar com a sua vida e ser inspirador.
Eu nasci em Israel, de pais de origem sefardita, e vivo na Espanha desde 1997. Minha biografia acadêmica e artística é marcada pela diversidade e inclui estudos e práticas de ciência, tecnologia, música, literatura, tradições espirituais e terapias alternativas. Cheguei à Espanha por uma viagem surpreendente e avassaladora às minhas raízes genealógicas, que culminou em minha auto-realização.
Como um guia independente, saliento que tenho uma família e que não pertenço a nenhuma comunidade espiritual. Sou marido, pai, filho, irmão e amigo de muitas pessoas e entendo que o caminho de despertar da consciência pode ser alcançado na própria vida, no Salão dos Espelhos da alma, sem a necessidade de retirar-se dele para trazer a atenção e consciência em todos os seus aspectos.

Ler mais...

Entre os detalhes da minha biografia destaco:
• Aos 16 anos, fiz um curso para jovens cientistas em um centro de física nuclear (Sorek, 1983).
• Aos 17 anos, fui como delegado juvenil aos Estados Unidos (M. Relações Exteriores de Israel, 1984).
• Engenheiro de Electrônica (Instituto Technion, 1990).
• Oficial do Exército, responsável pelo equipamento de vídeo e fotografia na marinha, com o prêmio de criatividade do almirante (1989-1995).
• Mestre em Literatura Comparada, com uma tese realizada na comparação entre as teorias da mecânica quântica e da literatura (Universidade de Tel Aviv, 1997).
• Ph.D. pelo Ministério Espanhol dos Negócios Estrangeiros, na versão sefardita de “O Livro do Esplendor” da cabala judaica (Universidade de Granada, 1997-1999, ver, por exemplo http://www.ugr.es/~estsemi/ meah_55.html).
• Curador com Energia Universal da Federação Nacional Curandeiros da Grã-Bretanha (S.A.G.B. N.F.S.H., 2004).
• Fundador do “Centro Raíces de Autorrealización ” (Marbella, de 2003 a 2008).
• Músico étnico (piano, percussão, voz, harmônio, tambura), que participou de concertos e eventos como o Festival Internacional de Música Sefardita (Cordoba, 2005).

A Inspiração

A inspiração em meu caminho veio de várias figuras-chave, aprendizagem e processos que começaram na infância, com aquela criança que olhava para o céu e perguntava: “o que significa esse teatro aqui na terra e para que vim aqui? ”.
Crescendo junto à costa do Mar Mediterrâneo, eu costumava segurar a respiração e mergulhar em suas águas na postura de lótus por tanto tempo quanto eu pudesse, para me encontrar para lá desta dor existencial.
Meu primeiro estágio de busca foi pesquisar a realidade através da ciência: física nuclear, cosmologia e tecnologia da informação. Logo, mergulhei na música e na literatura, filosofia e terapia, chegando a investigar o misticismo, primeiro a nível académico e, em seguida, através da prática direta da meditação, de acordo com várias tradições espirituais.

 

Ler mais...

Nesta jornada de auto-realização, houve grandes encruzilhadas e influências que gostaria de mencionar aqui:
• Na minha juventude, aprender ciência, música, literatura e arte com Doutor em Química: Israel Merksamer;
• Deixar Israel rumo à Espanha em 1997, com uma bolsa de doutorado sobre a versão sefardita de “El Esplendor” da Cabala, deixando também para trás a segurança econômica e uma carreira militar;
• Descubrir minhas raízes genealógicas e meus estágios evolutivos anteriores em Granada;
• Acompanhar a minha irmã em sua cura de um câncer da mama, o que me colocou neste caminho que combina meditação e auto-cura e me ensinou que a doença pode ser um grande mestre;
• Pesquisar o mais além, no outro lado, com Jennifer Mackenzie, uma medium internacional, com quem aprendi a arte da canalização (mediunidade) e cura;
• Aprender a meditação de Anadi (anteriormente Aziz Kristof) como um caminho para além tradições espirituais;
• Ressoar com Pablo de la Iglesia, com quem experimentei a Divindade no núcleo de minha identidade, abrindo meu coração à graça;
• Inspirar-me com os ensinamentos de Sri Ramana Maharshi e Sri Anandamyi Ma, figuras-chave da Não Dualidade;
• Finalmente, ser iniciado por Haidakhan Babaji, durante uma noite que fiquei meditando em sua cova no Himalaia, para dedicar o meu trabalho nesta vida para o despertar da consciência humana.

Há uma longa lista de professores de ciências, música, literatura, terapia e espiritualidade, que eu não posso mencionar aqui, mas que me inspiraram profundamente nesta viagem, em todas as áreas da vida. A todos me sinto profundamente grato ao escrever estas palavras. Hoje meus guias são árvores e montanhas, animais e plantas, minha esposa e filhos, amigos, alunos da TODA (Terapias da Alma) e todos os seres que pertencem a esta realidade relativa em que você também se inclui.
Sou muito grato e abençoado pela vida, por ter empreendido e compartilhado este caminho com tantas pessoas e quero convidá-lo a fazer parte desta família de despertar no planeta Terra.